terça-feira, 13 de outubro de 2015

Difteria volta a assustar em Pernambuco e já fez quatro vítimas


O Estado de Pernambuco multiplicou a atenção em relação à difteria, doença infectocontagiosa prevenida exclusivamente pela vacinação e causada por bactéria que se aloja nas amídalas, faringe, laringe e nariz. O alerta veio à tona depois que o estudante Paulo Sigernando da Silva, 14 anos, morreu na madrugada do sábado (5) em Salgueiro, Sertão pernambucano, com sintomas de difteria, que já acometeu quatro pessoas só este ano no município de Chã Grande, no Agreste, após o Estado passar por vários anos com registros de casos esporádicos. 





Saiba mais aqui.



















Ads Inside Post