quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

Crise diplomática piora a perseguição religiosa


Três civis, entre eles uma criança, morreram no sul da Arábia Saudita por disparos de morteiros procedentes do Iêmen, que atingiram diferentes zonas da província fronteiriça de Jazan, conforme informações da Agência Oficial Saudita (SPA). A imprensa local disse que os rebeldes xiitas iemenitas intensificaram suas operações na fronteira saudita desde março de 2014.












Saiba mais aqui.
































Ads Inside Post