segunda-feira, 4 de abril de 2016

Seminário “Microcefalia e os Cuidados Socioassistenciais” realizado em Caruaru foi um sucesso


A cidade de Caruaru foi sede, durante o último dia (31), do I Seminário Regional de Microcefalia e Cuidados Socioassistenciais. O evento aconteceu no auditório do Shopping Difusora e contou com a presença de gestores e técnicos da área socioassistencial, conselheiros municipais da assistência e saúde, representantes de classes profissionais e estudantes de áreas relacionadas. 

O objetivo do seminário foi aprofundar as discussões sobre as demandas de microcefalia com gestores e técnicos da área socioassistencial dos municípios do Agreste e órgãos envolvidos, com orientações das ações no âmbito da assistência social, às famílias com crianças diagnosticadas com microcefalia em Pernambuco.

Para o Secretario de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude, Isaltino Nascimento, o evento em Caruaru superou as expectativas e serviu para orientar e aprofundar as demandas sobre a temática. “Nosso seminário foi muito produtivo, pois uniu profissionais da área socioassistencial do Agreste, que puderam esclarecer dúvidas existentes entre os gestores e órgãos envolvidos para o encaminhamento de casos de crianças com microcefalia em seus municípios, garantindo assim, melhorias para as famílias”, destacou o Secretário.

Também foi debatido no encontro o direito ao benefício da previdência social para as famílias que têm crianças com o diagnóstico. “Para ter direito ao beneficio através do INSS, estas famílias devem procurar os Centros Regionais da Assistência Social (CRAS) e da Previdência Social, para dar fazerem o requerimento do auxílio”, completou o Superintendente Regional do INSS, Ronei Tosi. 

Outro beneficio citado para as famílias foi a tarifa social da CELPE, que para ter direito as crianças devem ser inscritas previamente junto ao INSS e obtido o Benefício de Prestação Continuada (BPC) comprovados por meio de documentação. 

O evento foi realizado pela Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude (SDSCJ), em parceria com vários órgãos. Entre eles, os conselhos regionais de Serviço Social (CRESS), de Psicologia (CRP), o Conselho Nacional de Gestores Municipais de Assistência Social (COEGEMAS), e os conselhos estaduais de Assistência Social (CEAS) e de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência (CONED).

A primeira etapa do seminário aconteceu em fevereiro, na capital pernambucana; e, pela grande procura de inscrições, a SDSCJ decidiu expandir a realização de outras edições no Estado, ficando a cidade de Caruaru como polo Agreste (31/03); Serra Talhada, pólo Sertão, que acontecerá amanhã (01/04) e Vitória de Santo Antão, na Zona da Mata, dia (12/04).







Com informações da assessoria.


























Ads Inside Post