quarta-feira, 25 de maio de 2016

1ª crise de Temer é destaque mundial: "bando de gângsters"

A "sangria" provocada pela Operação Lava Jato é destaque nos jornais europeus nesta terça-feira (24/05), um dia depois de o ministro do Planejamento, Romero Jucá (PMDB-RR), ter se licenciado do cargo.

O jornal britânico afirma que "as motivações dúbias e a natureza maquiavélica da trama para retirar Dilma Rousseff do poder ficam aparentes na transcrição da conversa" entre Jucá e Machado e que Temer pouco fez para reduzir a tensão no país."Seu gabinete todo branco e masculino foi duramente criticado por não representar o país, suas medidas de austeridade são impopulares e seu líder já voltou atrás da decisão de tirar da Cultura o status de ministério após protestos de artistas, músicos e cineastas", escreve o correspondente Jonathan Watts.










Saiba mais aqui.
























Ads Inside Post