segunda-feira, 16 de maio de 2016

SINDSEP/PE: Ponte para o futuro representa a volta ao passado


Na madrugada de quinta-feira, 12 de maio, o Brasil teve sua democracia abalada, com a aprovação, no Senado, do afastamento, por 180 dias, da presidenta Dilma Rousseff, eleita em 2014 por mais de 54 milhões  de votos. Muitos interesses estão em jogo por trás dessa decisão, ato que colocou no poder um vice-presidente ficha suja e com histórico de práticas neoliberais. Uma mostra disso é a composição do ministério do governo temporário de Michel Temer. Entre os nomeados, muitos são acusados na Operação Lava Jato e agora recebem foro privilegiado. Além de que nenhuma mulher compõe o governo interino. É a primeira vez que isso acontece desde o regime militar.







Saiba mais aqui.































Ads Inside Post