terça-feira, 27 de setembro de 2016

Organizadora do RUF visita a UFPE e ministra palestra sobre o ranking

Sabine Righetti, do RUF, colheu sugestões na reunião com os gestores - Foto: Passarinho
O RUF (Ranking Universitário Folha) foi tema de palestra, na última sexta-feira (23), no Auditório Reitor João Alfredo, na Reitoria da UFPE. Em visita à Universidade, a organizadora do ranking Sabine Righetti abordou o tema para uma plateia formada por docentes, pesquisadores, diretores de centros acadêmicos, técnicos administrativos e gestores. Na edição do RUF deste ano, a UFPE apresentou aumento na nota global, passando de 89,47, em 2015, para 90,07, em 2016, ficando na 12ª posição nacional. Em 2015, a Universidade havia ficado na 10ª posição.
“A ideia [da visita] é conversar com as instituições sobre o que avaliamos no RUF e ter um feedback também. Em muitas dessas visitas, colhemos sugestões do que poderíamos avaliar e levamos de volta à equipe e analisamos. Então, este trabalho é muito importante”, explicou Sabine Righetti.
Este ano, além de conquistar a 12ª posição entre as universidades brasileiras, a UFPE teve 34 cursos avaliados. Desses, 17 (50%) melhoraram suas posições em nível nacional e 14 (41%) encontram-se entre os TOP 10 no Brasil. O destaque fica com cinco cursos que nas três mais recentes avaliações do RUF (2014, 2015 e 2016) permaneceram entre os TOP 10 no Brasil: Ciência da Computação, Física, Química, Geografia e Serviço Social. Outros nove cursos também estão entre os dez melhores do Brasil: Biomedicina, Direito, Engenharia Civil, Engenharia de Automação, Fisioterapia, História, Matemática, Psicologia e Turismo.
“Os resultados nos incentivam a identificar aqueles pontos em que nós achamos que devemos melhorar. Então, a UFPE, como uma das universidades mais importantes e melhores do Brasil, faz muita atenção a esse índice. E, evidentemente, esta busca por melhorar nossa posição é ligada à nossa missão maior, que é formar com qualidade os estudantes para o Brasil”, afirmou o reitor Anísio Brasileiro.
RUF – O RUF é uma avaliação anual do ensino superior brasileiro feita, desde 2012, pela Folha de São Paulo. Na edição de 2016, há dois produtos principais: o ranking de universidades e o ranking de cursos. No ranking de universidades, estão classificadas 195 universidades públicas e privadas, considerando cinco indicadores: pesquisa, internacionalização, inovação, ensino e mercado.
Já no ranking de cursos, estão avaliados os 40 cursos de graduação com mais ingressantes no Brasil, que representam 93% dos ingressantes no ensino superior do país. Neste caso, são avaliados os cursos oferecidos por universidades, centros universitários e faculdades. São considerados dois indicadores: ensino e mercado.
Os dados que compõem os indicadores de avaliação do RUF são coletados em bases de dados como Inep-MEC, INPI, Web of Science, SciELO, entre outras, além de pesquisas nacionais de opinião feitas pelo Datafolha.





Com informações da assessoria.
























Ads Inside Post