Manchetes

Brasil

Curiosidades

Mundo


No último dia 23, técnicos da Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária de Pernambuco (Adagro) em uma fiscalização no município de São Vicente Férrer apreenderam mais de seis toneladas de agrotóxicos que estavam armazenados inadequadamente.

Além da estocagem irregular, o estabelecimento estava com o registro vencido (documento necessário para a comercialização de agrotóxicos) e os funcionários manipulavam os produtos sem nenhum equipamento de proteção individual (EPI).

“O local oferecia risco aos seus funcionários e clientes, visto que os produtos estavam empilhados com risco de vazamento e eram transportados sem o cuidado necessário, pondo em risco a saúde de todos”, disse o chefe da Unidade Estadual de Inspeção Vegetal, Silvio Valença.


O estabelecimento foi autuado e teve seu depósito interditado.





Com informações da assessoria.























Sabine Righetti, do RUF, colheu sugestões na reunião com os gestores - Foto: Passarinho
O RUF (Ranking Universitário Folha) foi tema de palestra, na última sexta-feira (23), no Auditório Reitor João Alfredo, na Reitoria da UFPE. Em visita à Universidade, a organizadora do ranking Sabine Righetti abordou o tema para uma plateia formada por docentes, pesquisadores, diretores de centros acadêmicos, técnicos administrativos e gestores. Na edição do RUF deste ano, a UFPE apresentou aumento na nota global, passando de 89,47, em 2015, para 90,07, em 2016, ficando na 12ª posição nacional. Em 2015, a Universidade havia ficado na 10ª posição.
“A ideia [da visita] é conversar com as instituições sobre o que avaliamos no RUF e ter um feedback também. Em muitas dessas visitas, colhemos sugestões do que poderíamos avaliar e levamos de volta à equipe e analisamos. Então, este trabalho é muito importante”, explicou Sabine Righetti.
Este ano, além de conquistar a 12ª posição entre as universidades brasileiras, a UFPE teve 34 cursos avaliados. Desses, 17 (50%) melhoraram suas posições em nível nacional e 14 (41%) encontram-se entre os TOP 10 no Brasil. O destaque fica com cinco cursos que nas três mais recentes avaliações do RUF (2014, 2015 e 2016) permaneceram entre os TOP 10 no Brasil: Ciência da Computação, Física, Química, Geografia e Serviço Social. Outros nove cursos também estão entre os dez melhores do Brasil: Biomedicina, Direito, Engenharia Civil, Engenharia de Automação, Fisioterapia, História, Matemática, Psicologia e Turismo.
“Os resultados nos incentivam a identificar aqueles pontos em que nós achamos que devemos melhorar. Então, a UFPE, como uma das universidades mais importantes e melhores do Brasil, faz muita atenção a esse índice. E, evidentemente, esta busca por melhorar nossa posição é ligada à nossa missão maior, que é formar com qualidade os estudantes para o Brasil”, afirmou o reitor Anísio Brasileiro.
RUF – O RUF é uma avaliação anual do ensino superior brasileiro feita, desde 2012, pela Folha de São Paulo. Na edição de 2016, há dois produtos principais: o ranking de universidades e o ranking de cursos. No ranking de universidades, estão classificadas 195 universidades públicas e privadas, considerando cinco indicadores: pesquisa, internacionalização, inovação, ensino e mercado.
Já no ranking de cursos, estão avaliados os 40 cursos de graduação com mais ingressantes no Brasil, que representam 93% dos ingressantes no ensino superior do país. Neste caso, são avaliados os cursos oferecidos por universidades, centros universitários e faculdades. São considerados dois indicadores: ensino e mercado.
Os dados que compõem os indicadores de avaliação do RUF são coletados em bases de dados como Inep-MEC, INPI, Web of Science, SciELO, entre outras, além de pesquisas nacionais de opinião feitas pelo Datafolha.





Com informações da assessoria.

























Diante da atual situação econômica e política brasileira, a ESA-PE e a OAB-PE vão promover a palestra Crimes Financeiros e Lavagem de Dinheiro. O evento acontecerá no dia 4 de outubro, a partir das 18h, no auditório da Ordem. O encontro terá, como palestrante, a mestre em Direito Penal e secretária jurídica da Comissão de Direito Penal da OAB-PE, Talita Caribé; e, como debatedor, o delegado e diretor de inteligência da Polícia Civil de Pernambuco, especialista em Segurança Pública, Renato Márcio. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no site www.esape.com.br.






Com informações da assessoria.























A TV Brasil está prestes a deixar de ter programação própria para retransmitir o sinal da TV Cultura de São Paulo, talhada nos moldes do governo estadual do PSDB. A televisão pública, criada pelo Governo Federal pelo ex-presidente Lula em 2007, é coordenada pela Empresa Brasil de Comunicação (EBC) e tem abrangência nacional. Sua programação é toda pautada na comunicação pública nacional de qualidade, valorizando todos os Estados brasileiros.

“É mais um absurdo que esse governo golpista está fazendo. Temos uma TV pública completamente independente, que agora vai apenas retransmitir uma programação de TV de São Paulo, ligada ao tucano Geraldo Alckmin. Mais um grande atropelo que acontece no Brasil, discriminando as regiões mais pobres em prejuízo das mais fortes”, desabafou o líder do PT no Senado, Humberto Costa (PE).

Com o fim do Conselho Curador da EBC, do mandato do presidente e o fim das garantias de independência política, a TV Brasil deixa de ser pública para ser governamental. “Temer não aceita uma televisão que tenha independência política, ele quer ter uma rede televisiva no cabresto onde ele possa veicular seus desmandos como notícias positivas”, pontuou Humberto Costa.

A EBC foi palco de desmandos do atual governo desde que assumiu interinamente a presidência. Ainda em junho, Temer destituiu o presidente da instituição EBC Ricardo Melo, mas ele reassumiu após uma liminar do STF. Em setembro, após o presidente assinar uma medida provisória alterando as regras do estatuto da EBC, o governo Temer conseguiu colocar Laerte Rimoli como presidente do órgão.

“Parece que realmente voltamos ao tempo da ditadura, e o pior, apoiado por uma grande maioria do Congresso Nacional que acata tudo que o Temer sem voto e golpista envia. Mas continuaremos no front brigando por nenhum direito a menos para os brasileiros”, afirmou o senador petista.





Com informações da assessoria.

























Luciana Santos assinou o Programa Prefeito Amigo da Criança 2017 – 2020 da Fundação Abrinq. Com isso, ela se compromete com uma série de medidas no combate ao trabalho infantil na cidade. Ela foi a(o) única(o) candidata(o) em Olinda a assinar. Lu é povo e sempre defendeu as causas mais progressistas.

O programa  mobiliza e apoia tecnicamente prefeitos e prefeitas de todo o país para que qualifiquem as políticas públicas em favor de crianças e adolescentes durante seu mandato. Para isso, estimula o fortalecimento das organizações que atuam com as crianças incentiva a participação social, a transparência e a articulação das iniciativas promovidas pelo poder público e pela sociedade civil, por meio do diálogo constante entre diversas instâncias e do fortalecimento dos Conselhos Municipais de Direitos da Criança e do Adolescente e dos Conselhos Tutelares. 

Veja mais informações no site do programa: http://prefeito.org.br/


De Olinda, Tiago Peixoto